A pensar no futuro – kit Netricoin

A pensar no futuro – kit Netricoin

Já faz mais de dez anos que o enigmático Satoshi Nakamoto criou a Bitcoin, a primeira e decididamente a forma mais popular de criptomoeda que já existiu. Mas, a Bitcoin não detém o poder absoluto deste mercado, já que existem atualmente mais de 7000 criptomoedas. Face a uma gama de criptomoedas tão vasta, como sabem os investidores em que moedas vale a pena apostar?

Cuide da sua carteira

Ainda há dez anos, a maioria das pessoas rir-se-iam se alguém dissesse que uma parte da sua carteira de investimentos era constituída por criptomoedas – um tipo de moeda virtual que é protegida por diversos métodos criptográficos e que é gerada por computador. Já hoje em dia, um investidor moderno é considerado desatualizado se não investir ou nunca tiver lidado nos seus negócios com pelo menos uma unidade da Bitcoin, da Ethereum ou da Stellar.

Presentemente, as criptomoedas estão em toda a parte e investir nelas não envolve apenas os day traders. Na verdade, muitas empresas tradicionais estão de alguma forma a fazer a integração de criptomoedas com as suas plataformas ou a usá-las como um meio para lançar outros tipos de produtos. Em outubro de 2020, a PayPal lançou um novo serviço que permitia aos titulares de contas comprar, vender ou armazenar criptomoedas ou usá-las para pagar compras junto de 26 milhões de vendedores diferentes.

«A transição para as formas digitais das moedas é inevitável e acarretará vantagens óbvias em termos de integração financeira, acessibilidade, eficiência, rapidez e robustez do sistema de pagamentos, bem como da capacidade dos governos de realização de transferências rápidas de fundos para os cidadãos» – declarou Dan Schulman, presidente e diretor geral da empresa PayPal num comunicado à imprensa. Isso significa que este é o momento certo para iniciar a sua aventura no mundo dos investimentos em criptomoedas.

 

Proceda… conscientemente

No entanto, começar a investir não é fácil, principalmente sem contactos e sem uma parte substancial do capital investida em consultadoria financeira. Negócios fraudulentos e falsas oportunidades de investimento continuam a prosperar. Por isso, cada vez mais os pequenos empresários e particulares decidem receber formação na área do investimento, desenvolvimento pessoal, gestão de finanças e de stress. Como resultado, ficam mais bem preparados para os desafios que enfrentam e tornam-se menos suscetíveis de fraude.

As formações on-line são uma tendência cada vez mais forte, não só por causa da elevada necessidade deste tipo de serviços, como também por conveniência: sobretudo, os jovens preferem aprender pela Internet, em sua própria casa a frequentar aulas presenciais todos os dias. Sem dúvida, este método economiza tempo e geralmente não requer ajustes especiais do horário individual de cada um para assistir às aulas.

Criptomoedas sim, mas… quais?

Permanece de pé a questão da escolha das criptomoedas para investimento. Por sorte, este ano, há algumas favoritas.

Stellar é um protocolo de pagamentos descentralizado do tipo código aberto que possibilita transações rápidas internacionais entre pares aleatórios de moedas. À semelhança de outras criptomoedas, opera com base na tecnologia blockchain. O recurso financeiro a que deu origem é uma moeda que leva o nome de lumen (XLM). A XLM alimenta a rede Stellar e todas as suas operações, da mesma forma que a eter (ETH), por exemplo, alimenta a rede Ethereum.

As transações que têm lugar na rede Stellar são adicionadas a um género de livro-mestre de contabilidade público que constitui uma base de dados disponível para qualquer pessoa e em qualquer parte do mundo. Para chegar a um consenso sobre a rapidez e precisão das transações, a Stellar emprega um método próprio de consenso exclusivo.

O método de consenso da Stellar permite transações rápidas e económicas, sendo que todos os intervenientes obtêm acordo quanto à validade de uma dada transação, em segundos. Cada interveniente (chamado de nó da malha) que ajuda a adicionar transações Stellar à contabilidade da rede global, seleciona uma minirrede de outros intervenientes fiáveis com os quais está em acordo mútuo. Enquanto estas minirredes (chamadas segmentos do quórum) se sobrepõem, toda a rede Stellar pode acordar sobre que transações devem ser validadas e rapidamente adicionadas ao registo.

A segunda moeda favorita – a Bitcoin Cash (BCH) funciona como criptomoeda e rede de pagamentos. Nasceu como consequência da bifurcação hard fork da cadeia da Bitcoin que teve lugar em 2017 com a finalidade de aumentar o número de transações processadas. O portal oficial da Bitcoin Cash descreve esta criptomoeda como sendo para a Internet o dinheiro eletrónico peer-to-peer. É totalmente descentralizada, desprovida de banco central e não requer a intervenção de entidades terceiras acreditadas.

Logo no momento da sua criação, a Bitcoin Cash tornou-se um dos mais bem conseguidos derivados da Bitcoin. Roger Ver, um ilustre investidor dos primórdios da Bitcoin descreve-a com a «Bitcoin genuína». Em 2011, Ver já era um proeminente entusiasta da Bitcoin como um meio de promoção da liberdade económica. Entretanto, passou a operar com a Bitcoin Cash, indicando baixos custos e a rapidez das transações como pontos a favor da mesma.

 

Uma escolha consciente – Netricoin

O kit Netricoin é um conjunto especialmente selecionado de aulas, e-books, seminários web e auxiliares de ensino, destinado a investidores principiantes. É uma maneira de obter informação sobre investimentos em criptomoedas da estaca zero. Uma vez que a premissa deste produto é garantir que a aprendizagem teórica acompanhe a formação prática, juntamente com os materiais, todos os alunos recebem tokens gratuitos de criptomoedas de dois tipos diferentes – a já mencionada Bitcoin Cash e a Stellar, as quais servirão de incentivo para aplicar o conhecimento adquirido na prática.

Para adquirir Netricoin, deve entrar-se em contacto com o vendedor através do formulário próprio para o efeito e agendar uma consulta por telefone, em que será apresentada a oferta ao cliente. Após a compra, o cliente recebe acesso aos materiais por e-mail, passa a ter a possibilidade de se inscrever em seminários on-line e de visualizar as criptomoedas armazenadas. Já a transferência dos tokens gratuitos que vêm juntamente com o kit Netricoin decorre de um modo um pouco diferente. O código de acesso é enviado por correio tradicional à cobrança. Este procedimento visa minimizar o risco de apropriação dos tokens por terceiros. O acesso quer às criptomoedas gratuitas quer aos materiais requer o rececionamento da encomenda com instruções pertinentes no interior.

Solução concebida para principiantes

A encomenda enviada para o cliente conterá um cartão com código Netricoin de acesso. Consiste num documento especial com um login gerado aleatoriamente e uma senha para aceder à conta onde se encontram armazenadas as unidades das criptomoedas Stellar e Bitcoin Cash adicionadas ao produto.

O titular do Cartão com código Netricoin de acesso tem plena visualização do saldo de criptomoedas amealhadas na conta, ainda que para as levantar, é-lhe requerida validação por e-mail. Só depois de o código do cartão ser fornecido ao mediador, o qual verifica igualmente as credenciais do cliente, é que os respetivos fundos podem ser libertados para uma e-carteira indicada pelo cliente. A moeda resgatada deste modo pode ser convertida em dinheiro comum (p. ex. numa bolsa ou numa casa de câmbio) quando o investidor considerar que tal decisão lhe trará lucro.

Netricoin goza da opinião de ser uma solução moderna e transparente para dar início à aventura dos investimentos em criptomoedas e para diversificar a carteira de investimento. Os criadores do produto empreendem todos os esforços possíveis não só para transmitir um conhecimento amplo sobre criptomoedas e investimentos, como também para fornecer gratuitamente tokens da Stellar e da Bitcoin Cash de um modo pensado e seguro.